Vai comprar uma casa em Lisboa? Saiba os preços reais de venda!

2
1105

Quem já comprou ou pensa em adquirir uma casa em Lisboa – ou em qualquer outra cidade do mundo –, sabe que é necessário um conhecimento aprofundado do mercado local para encontrar as melhores oportunidades de investimento.

Veja também: Como comprar casa em Portugal

Mas o que significa ter um conhecimento aprofundado do mercado?

Experiência no mercado imobiliário local, assim como o acesso à informação completa e no tempo certo sobre o mesmo, permite um conhecimento aprofundado do mercado. O conhecimento é refletido na identificação dos locais/bairros (chamados em Portugal de freguesias) que oferecem a melhor qualidade de vida e apresentam maior potencial de valorização e menor potencial de desvalorização (no caso de alguma crise). Além disso, envolve a seleção, dentro desses locais, dos imóveis com a melhor relação preço/qualidade.

Descodificar o mercado imobiliário português: muito ruído?

Para quem já escolheu o bairro ideal para morar e/ou investir, a tarefa agora é encontrar a habitação certa. Vamos imaginar um cenário: Joana sabe que quer morar num apartamento de três quartos, conhecido como T3, na freguesia de Arroios, e inicia a sua pesquisa online. Ela procura em vários portais imobiliários (incluindo o OLX) e identifica a seguinte lista de “ruídos” que impede que o mercado seja transparente:

Ruído 1: Numa primeira fase, Joana repara que existem muitos apartamentos T3 em Arroios para venda. Puro engano! Passado algum tempo, ela percebe que um imóvel tem vários anúncios de venda (promovido por várias corretoras imobiliárias). Joana chega, então, à conclusão de que a oferta é mais reduzida e de que não existem, assim, tantos apartamentos disponíveis como ela pensou no início.

Ruído 2: Joana nota, ainda, que o mesmo imóvel aparece com preços de venda diferentes. Como isto é possível? Talvez o proprietário diminuiu o preço pedido e apenas algumas corretoras atualizaram o valor de venda? Será que alguma corretora, sem autorização do proprietário, colocou um preço inferior para aumentar a hipótese de venda do imóvel?

Ruído 3: Na sua pesquisa no OLX para um apartamento T3 em Arroios, o preço mais baixo de venda é de 180.000 euros, enquanto o preço mais elevado de venda é de 1.600.000 euros. O que justifica tamanha diferença? Além disso, Joana repara que, entre apartamentos similares, a discrepância de preços é muito grande.

Joana está, naturalmente, confusa. Devido à existência de tantos ruídos, ela não sabe avaliar o preço de mercado do seu apartamento ideal. Então, reconhece que era fundamental ter acesso a dados estatísticos sobre os preços reais de venda de imóveis.

É aí que o Vida Portugal pode te ajudar. Temos acesso a esta ferramenta de estudos de mercado independente (Confidencial Imobiliário) que nos indica qual é o preço real de venda de imóveis (por tipologia e estado de conservação) para a região de Lisboa.

Para auxiliar a Joana, sabemos que durante o 3º trimestre de 2017, o preço real de venda para apartamentos usados foi de 2.674 euros por m². Não existiram vendas, no mesmo período de tempo, de apartamentos novos.

Sabemos, ainda, que o preço médio pedido para apartamentos usados e novos foi de 3.043 euros e 4.263 euros por m², respectivamente.

Com estes dados, Joana consegue entender qual o preço real por m² praticado no mercado e se o valor pedido pelo seu apartamento dos sonhos é justo e está de acordo com os valores de mercado reais.

Este é apenas um exemplo de como podemos colaborar com quem quer comprar um imóvel em Lisboa. Há muito mais que podemos fazer. O Vida Portugal tem o maior prazer em ajudar. Entre em contato conosco!

2 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here